segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

OUTROS PONTOS DE VISTA



Deixo-vos um video, com uma outra "corrente de pensamento" em relação às questões que nos coloca o enigma do Autismo. Até provas em contrário, todas as opiniões são válidas e debruçamo-nos obviamente pela aquela que nos fizer mais sentido. Importa apenas respeitar ideias diferentes.
Particularmente, creio na ciencia, na educação, na inclusão social e acredito que a seu tempo se encontrarão respostas cada vez mais efectivas, nestas àreas. No entanto, gosto de ir conhecendo as diversas "teses" para a questão. Esta, apesar de não ser o caminho que sigo, respeito e confesso que muito me faz pensar... Talvez as respostas sejam tão dificeis, porque residem num contexto de multidisciplinariedade complexo de atingir. Até lá "alimento-me" precisamente deste enigma que tanto me tem enriquecido e preenchido a alma.
Se é deficiencia, doença, perturbação, ou uma outra forma de ser e estar no mundo, não sei... e não sabe ninguém...

6 comentários:

Mina disse...

O respeito pelo nosso semelhante, deveria ser uma filosofia de vida.
E indepentemente das diferenças, temos de ter consciência de que não podemos alterar os outros à nossa imagem e semelhança ou perderiam a sua individualidade.
No caso do autismo ás vezes ficasse ou antes eu fico com alguns lapsos de memória, e tento adequar o meu filho ás circunstâncias deste planeta que não está preparado para o receber, até porque este amor incondicional que fala no video ele só o tem da mãe. E depois?!... Secalhar devia esquecer mais este depois!...
bjocas

Atena disse...

... Compreendo bem do que fala, talvez eu tenha (por enquanto) é uma maneira distinta de encarar o futuro. Tento não deixar invadir-me por esses pensamentos de futuro, porque a mim causam-me muita intranquilidade e não consigo vislumbrar nada que altere esse sentir... Assim, "fujo" a isso, porque não me vale a pena. Tento mesmo, viver o presente e o futuro, mas apenas o proximo - tipo 1 ano ou 2.
O amor de mãe deve ser mesmo o único que se possa chamar incondicional, mas existem outros amores, e outras "almas" amigas... É nessas que penso hoje, para sentir-me bem, e também é nessas que penso para um futuro mais distante! Haverão sempre boas pessoas, e haverá sempre quem dê carinho aos nossos filhos. Se pudermos em vida, preparar de alguma forma esse futuro, façamos então tudo o que estiver ao nosso alcance. Posto esse "esforço", não nos adianta o medo... pelo contrário, acho que se deixamos que ele se apodere de nós já hoje, sofremos antecipadamente! Quem é que sabe o futuro Mina? Poderemos até terminar todos no mesmo dia, ou podem até inverter-se os tempos! Não sabemos nada sobre o futuro, preparemos então o presente para ele ser o melhor possivel. Uma coisa é mais que certa: Ninguém cá fica... portanto se eu fechar os olhos antes de alguém que eu ame, tenho a certeza que mais tarde esse alguém irá ter comigo, porque nada é eterno e até dizem que isto por aqui é só uma passagem...

filipa disse...

T és realmente incrivel, concordo plenamente com essas palavras, completamente..... por isso estes meninos vêem cheios de luz, uma luz que ninguém consegue explicar, mas que só as pessoas mais sensiveis e especias sentem e vêem, e eles também vêem. O meu grande sonho é ser axim.....livre, este ponto de vista é.... sei lá.... o sorriso do vasco....ele realmente é livre, ele é tão feliz.........as crianças são felizes, nós é que estragamos tudo..a solução? amor incondicionalllll.

rosa disse...

As pessoas nao despertao deste sono que nos entramos não sei quando, os sinais estão ai:os nossos filhos sao farois que nos guião, não são eles que tem nenhuma doença somos nos que pensamos errado se nao fossem ele serem tao absorventes nos numca mais acordavamos,morreria a nossa humanidade cada vez ficaria mos mais sozinhos mais infelizes, i esse amor incondissional que se fala qualquer dia nimguem sabia o que era, um beijo grande.

Fê-blue bird disse...

Amiga Atena:
Estive a ver este vídeo com um interesse e uma ligação com as palavras que eram ditas que não consigo descrever.
Foi como se uma luz se acendesse na minha mente, porque não? Porque não pode ser assim, quem disse, que nós na nossa "normalidade" estamos certos só porque somos a maioria?
Não me parece que as maiorias tenham sempre razão.
No amor incondicional, no respeito, na aprendizagem e na humildade do nosso conhecimento está a resposta a tantas questões. Parece tão fácil, mas nós sabemos que não é fácil, porque não é fácil viver com tanto amor e ver tanta injustiça.
Um beijinho

*Lisa_B* disse...

Olá linda,
adorei o video.
Lamentavel eles não poderem continuar na sua liberdade e paz total porque no momento em que afirmam querer continuar a ser diferentes pode cair algum processo em cima e aí ...o amor incondicional terá muito a trabalhar na situação.

Estive sem internet até hoje.
Beijinhos com carinho

 
Web Statistics